Métodos de remoção de pelos

Métodos de remoção de pelos

Métodos de depilar de raiz

Métodos de depilar de raiz

Com estes métodos depila o seu corpo e tira o pelo pela raiz. São precisas semanas para o pelo voltar a crescer e quando cresce vem geralmente mais macio e fino que antes. O melhor é que com a depilação do pelo pela raiz a sua pele fica macia durante muito tempo - até 4 semanas. Leia acerca dos diferentes métodos de remoção do pelo pela raiz assim como os prós e os contras.

Leia acerca dos diferentes métodos de remoção do pelo pela raiz assim como os prós e os contras.

Depilação

Funciona com:

Usando um dispositivo manual com cabeça de pinças giratórias que passa pela superfície da pele, removendo os pelos à medida que passa.

Melhor para:

Todas as partes do corpo - pernas, axilas braços, área do biquíni e rosto

Vantagens:

Resultados extra suaves, que duram até 4 semanas. Sem confusão e os novos modelos trazem também acessórios extra para remover os pelos indesejados de zonas específicas como o rosto.

Desvantagens:

Pode ser desconfortável nas áreas mais sensíveis.

Classificação de beleza:

As depiladoras podem remover pelos tão curtos quanto 0,5 mm, ao contrário da cera que precisa de comprimentos de 2 mm para obtenção de resultados ideais - por isso, não precisa de esperar pelo seu crescimento inestético.

Nota da Dermatologista:

"Uma vez que, com a depilação, o pelo é removido da raiz, quando este volta a crescer a ponta tende a ser afilada e o seu aspeto é mais fino. Para além disso, uma depilação regular pode reduzir o número de pelos encravados."

Cera

Funciona com:

Aplicar cera quente ou fria na pele na direção do crescimento do pelo. Depois, quando solidificar, as tiras de tecido são amaciadas e rapidamente tiradas na direção oposta ao crescimento do pelo, levando os pelos consigo. Uma alternativa são as bandas de cera pré-fabricadas.

Melhor para:

Pernas, biquíni, sobrancelhas, axilas e lábio superior

Vantagens:

A cera pode remover os pelos das pernas durante semanas, para que não tenha de pensar em depilação durante algum tempo.

Desvantagens:

Pode ser doloroso. Mais ainda, tem de esperar até que os pelos estejam suficientemente crescidos antes de poder aplicar cera outra vez, o que pode ser um problema se quiser andar com as pernas à mostra ou detestar sentir os pelos a crescer. Se for você mesma a fazer, pode ser difícil, e se for a uma esteticista pode ser caro. Finalmente, a cera pode não apanhar os pelos mais pequenos.

Classificação de beleza:

Ótimo se acha que a depilação é diária é horrível - e se está preparada para pagar um tratamento profissional.

Nota da Dermatologista:

Quando usa cera, a pele a seguir pode ficar seca. Aplique uma loção hidratante, de preferência que contenha aloe vera.

Depilação à linha

Depilação à linha

Funciona com:

Pegando em pequenos pedaços de fio de algodão e enrolando o fio em redor de cada pelo individual e, em seguida, puxando rapidamente, removendo o pelo com o fio.

Melhor para:

Áreas pequenas e delicadas como sobrancelhas e lábio superior.

Vantagens:

Os pelos são removidos da raiz, por isso voltam a crescer de forma lenta e não tão espetados.

Desvantagens:

Um processo bastante lento, porque os pelos têm de ser puxados um a um. Também é um processo muito especializado, por isso tem de ir a um profissional bem treinado.

Classificação de beleza:

Ótimo para sobrancelhas - depois de tentar, a maior parte das mulheres converte-se.

Nota da Dermatologista:

"A depilação à linha não é muito traumática para a pele, por isso é boa de usar sobretudo em zonas sensíveis como as sobrancelhas e o lábio superior."

Métodos de remoção superficial do pelo

Métodos de remoção superficial do pelo

Com estes métodos pode remover as partes de pelos corporais que cresceram acima do nível de superfície da pele. Geralmente é muito fácil, mas por outro lado tem de o repetir muitas vezes.

Leia sobre os vários métodos de remoção de pelos e entenda as diferenças entre eles.

Remoção de pelos elétrica

Funciona com:

Passar uma pequena máquina elétrica com uma tela fina de um lado ao longo da superfície da pele, apanhando o pelo. As lâminas movem-se lateralmente e cortam os pelos contra a extremidade da tela.

Melhor para:

Pernas, biquíni, axilas

Vantagens:

Rápido, seguro e porque faz a "seco", é fácil de fazer em trânsito. Também uma boa opção para peles mais sensíveis.

Desvantagens:

O efeito "sem pelo" não dura tanto como com a remoção de pelos molhada. A lâmina também de ser cuidada convenientemente, limpando regularmente e mudando a lâmina anualmente.

Classificação de beleza:

Método excelente para remoção rápida e suave de pelo.

Nota da Dermatologista:

"É um bom método de remoção de pelos, suficientemente suave e bom para a maior parte das pessoas. Não use se a pele estiver irritada, com cortes ou vermelhidões."

Remoção de pelos por corte húmida

Funciona com:

Lâminas a deslizar sobre a pele hidratada cortam o pelo à superfície da pele.

Melhor para:

Pernas, zona de biquíni, axilas

Vantagens:

Rápida, eficiente, indolor e esfolia suavemente a pele seca e escamada das pernas para que continuem a parecer extra suaves.

Desvantagens:

Embora a remoção de pelos deixe uma pele maravilhosamente macia tem de continuar a fazê-lo frequentemente para manter essa suavidade.

Classificação de beleza:

Uma excelente opção para mulheres atarefadas.

Nota da Dermatologista:

"A depilação é uma opção conveniente - mas convém fazê-lo convenientemente. Usar apenas sabonete e água não é o ideal uma vez que muitas vezes deixa a pele com um aspecto seco e escamado. É melhor usar um gel depilatório hidratante."

Cremes depilatórios

Funciona com:

Dissolvendo quimicamente os pelos à superfície da pele. Uma vez aplicado, o creme permanece na pele até cerca de 10 minutos e é, então, removido cuidadosamente junto ao pelo.

Melhor para:

Lábio superior, zona do biquíni e axilas

Vantagens:

Indolor e económico.

Desvantagens:

Pode ser, por vezes, ser algo complicado e de difícil aplicação. Normalmente, os produtos têm um odor desagradável, embora haja alguns melhores do que outros. As irritações na pele também podem constituir um problema, portanto será conveniente efectuar um pequeno teste cutâneo 24 horas antes da altura programada para a sua utilização.

Classificação de beleza:

Bom para pequenas áreas como o rosto ou as axilas.

Nota da Dermatologista:

“Se possui uma pele delicada, os cremes depilatórios poderão não ser a escolha mais adequada, porque os químicos da sua composição podem desencadear reações alérgicas ou irritantes na pele. Efetue sempre um pequeno teste, de preferência na pele interior do braço e, melhor ainda, em dois momentos distintos, antes de o utilizar numa perna inteira ou no rosto."

Luz intensa pulsada (LIP)

Luz intensa pulsada (LIP)

LIP é um método de depilação relativamente novo. Funciona com flashes de luz que evitam o crescimento do pelo do corpo. Deriva de métodos profissionais usados por dermatologistas.

Leia mais para saber o que este método tem de especial e o que esperar se pensar utilizá-lo.

Luz intensa pulsada

Funciona com:

Um feixe de luz concentrada é direcionado sobre pequenas secções de pele. A luz é absorvida pelo pigmento no folículo capilar por baixo da superfície da pele, aquecendo o folículo capilar e impedindo o crescimento do pelo dependendo do ciclo de crescimento (ciclo anágeno apenas). Quanto mais pálido for o seu tom de pele e escuros forem os seus pelos, melhores serão os resultados do tratamento.

Melhor para:

Biquíni, axilas, lábio superior

Vantagens:

Muito mais rápida e menos dolorosa do que costumava ser, pois agora pode tratar-se uma área maior de pele de uma só vez. Em muitos casos, o pelo não chega sequer a voltar a crescer, ou se o faz, tem tendência para ser muito fino e fraco.

Desvantagens:

Requer a depilação por corte da pele antes de cada sessão de tratamento. Os resultados não são permanentes. Portanto, necessitará de múltiplos tratamentos o que poderá tornar-se dispendioso. Tem de ser igualmente cuidadosa com a exposição ao sol no espaço de até seis semanas após cada sessão de tratamento, uma vez que as mudanças no pigmento da pele podem aumentar o risco de queimaduras solares. As alterações hormonais como a gravidez ou a menopausa também podem desencadear o novo crescimento dos pelos.

Classificação de beleza:

Ótima para áreas que lhe sejam verdadeiramente incómodas, como o lábio superior, mas constitui uma opção um pouco extrema no que respeita a métodos de depilação.

Nota da Dermatologista:

"O laser funciona ao centrar-se no pigmento dos pelos – portanto quanto mais próxima for a cor do pelo daquela da sua pele, maior o risco de queimadura e potenciais cicatrizes. A combinação ideal é, portanto, cabelo escuro em pele branca. Se tem uma pele mais escura, deverá pensar bem antes de optar por esta técnica."